Conheça os fatores que interferem no sono com qualidade

15453190187994914.jpg

Muitas pessoas se esforçam para ter noites de sono com qualidade, mas não percebem que alguns hábitos e outras questões podem interferir nisso.

Fatores externos, hábitos e distúrbios do sono podem impactar, de forma independente ou em conjunto, para roubar o sono necessário para sua saúde e bem-estar.

Se você tem sofrido para dormir bem ou quer melhorar seus hábitos noturnos, veja a seguir a lista que preparamos com os fatores que mais interferem no sono de qualidade.

Fatores no ambiente

Muitas pessoas podem não perceber o quanto o ambiente desempenha um papel importante na hora de garantir um sono de qualidade e quantidade.

Uma das primeiras coisas que se deve fazer ao ter problemas de sono é avaliar o ambiente onde a pessoa dorme. Por isso atente-se aos seguintes pontos:

Eletrônicos no quarto

Pessoas que usam seus quartos para assistir TV ou trabalhar no computador estão colocando o sono com qualidade em risco.

A luz emitida por esses dispositivos (mesmo quando estão em stand by) imita a luz natural. Isso pode levar seu ritmo circadiano a acreditar que ainda existe luz do dia e retardar a liberação da melatonina, o hormônio associado ao sono.

Quem utiliza seu quarto para outra coisa senão dormir e fazer sexo deve reduzir imediatamente estes estímulos se quiser mais sono com qualidade.

Luminosidade

Além da luz que emana dos seus dispositivos eletrônicos, a luz natural desempenha um papel muito importante na regulação do seu ciclo de sono-vigília.

Certificar-se de ficar exposto à luz do dia de manhã pode ajudá-lo a acordar mais facilmente. Já reduzir sua exposição à luz natural à noite pode ajudar a dormir mais facilmente.

Use cortinas escuras ou blackout para bloquear a luz natural, mantenha as luzes desligadas enquanto dorme e deixe seu smartphone com a tela virada para baixo ou em uma gaveta ao lado da cama – se ele acender a qualquer hora da noite, isso não vai atrapalhar seu sono.

Temperatura

Seu quarto deve ser um pouco mais frio que o resto da sua casa – o ideal é que a temperatura fique entre 15 e 20 graus.

Isso porque, quando dormimos, a temperatura do corpo naturalmente começa a diminuir. Manter o ambiente frio ajuda a acelerar esse processo – já um ambiente mais quente retarda o sono.

Barulho

Os sons podem atrapalhar o sono com qualidade, fazer com que as pessoas acordem no meio da noite ou mais cedo do que o desejado.

Muitos sons ouvidos no quarto podem estar além do seu controle: barulho da rua, alarmes de carros, vizinhos barulhentos etc. Por isso, uma boa opção é apostar em um ventilador ou outro dispositivo que ajude a criar um “ruído branco” para sublimar os sons perturbadores.

Razões comportamentais

Muitas vezes, a baixa duração do sono com qualidade se devem às escolhas que as pessoas fazem durante o dia e à noite. Confira algumas delas a seguir:

Usar eletrônicos antes de dormir

Coisas simples, como ficar acordado até tarde para maratonar no Netflix ou ficar acompanhando as redes sociais em vez de ir para a cama quando está cansado, podem sabotar o sono com qualidade.

Sedentarismo

Não fazer exercícios suficientes durante o dia pode prejudicar sua rotina ao dormir. Por outro lado, exercitar-se muito perto da hora de ir para a cama também pode atrapalhar o sono, pois aumenta a temperatura do corpo.

Cochilos

Este é um tema polêmico: algumas culturas promovem o cochilo do meio-dia e alguns estudos dizem que “tirar uma pestana” durante o expediente pode ajudar no aumento da criatividade e da concentração.

Mas para quem enfrenta problemas para dormir, um cochilo durante o dia pode reduzir sua capacidade de ter um sono de qualidade. Vale o alerta: a sonolência diurna excessiva pode sugerir um distúrbio – como a apneia do sono.

Hábitos alimentares

Se você realmente quer garantir um sono com qualidade, abster-se de ingerir certos alimentos durante o dia pode ser muito útil para garantir o devido descanso à noite.

Alimentos e bebidas que contêm cafeína devem ser evitados após o almoço – especialmente nas horas que antecedem o momento de dormir.

Evite também alimentos picantes, ricos em proteínas e/ou em gordura, que podem gerar desconforto, azia e favorecer o refluxo.

Consumo de álcool

Beber álcool antes de dormir dá a sensação de que ajuda a pessoa a dormir mais fácil. Mas ele pode causar sono fragmentado e má qualidade do sono assim que começa a metabolizar.

Problemas emocionais

Estresse, preocupação, medo, ansiedade e receber más notícias podem causar problemas de sono. Muitas vezes, as perturbações se dissipam quando o distúrbio emocional é resolvido.

No entanto, algumas dessas emoções podem eventualmente se transformar em depressão, que também pode causar estragos no sono de uma pessoa.

Distúrbios do sono

Existem alguns distúrbios que nos fazem sentir como se não estivessem dormindo o suficiente, como:

  • Insônia;
  • Síndrome da perna inquieta;
  • Síndrome do sono insuficiente;
  • Apneia obstrutiva do sono.

Se você acredita que suas dificuldades ao dormir podem ser causadas ​​por um distúrbio do sono, fale com seu médico de confiança e pergunte se um estudo do sono é adequado para o seu caso.

Saiba mais sobre sono com qualidade em nosso artigo anterior – e saiba mais sobre o Estudo do Sono do Vita Check-up.


1545312691178599.jpg

As pessoas passam quase um terço de suas vidas dormindo. Mas isso não significa que todas essas horas dormidas proporcionam de fato um sono de qualidade. Isso é algo que pode ser fácil de se falar – mas difícil de ser colocado em prática.

Uma boa noite de sono desempenha um papel vital para a saúde e qualidade de vida de qualquer um. Mas seus benefícios vão além disso: dormir bem é fundamental para reduzir o risco de várias condições graves de saúde. Saiba mais sobre o tema na leitura a seguir.

5 vantagens de contar com um sono de qualidade à noite

Dormir bem significa mais que contar com mais disposição para enfrentar seus compromissos diários – veja a seguir como ele afeta sua saúde e bem-estar:

1) Redução do risco de obesidade

A obesidade atinge hoje um quinto de todos os brasileiros. Ela é atribuída em grande parte às dietas com alto índice calórico e à ausência ou redução da atividade física.

Mas pesquisas recentes sugerem que nossos padrões de sono podem ser pelo menos parcialmente responsáveis ​​também por isso.

Um estudo mostrou que portadores de um DNA responsável pelo aumento da circunferência da barriga, que dormiam menos que as sete horas recomendadas por dia, pesavam dois quilos a mais que os demais, em média. Em compensação, quem dormia mais de 9 horas por noite chegava a pesar quatro quilos a mais.

Por isso se esforce para manter uma rotina de sono: se esforce para deitar-se sempre nos mesmos horários e evite o uso de eletrônicos na cama.

2) O sono de qualidade pode ajudar a prevenir o câncer

Pesquisadores acreditam que a exposição à luz durante a noite reduz os níveis de melatonina, o hormônio que regula o ciclo entre vigília e sono.

A melatonina pode ajudar a proteger contra o câncer porque os resultados dos estudos apontam que ela pode suprimir o crescimento de tumores.

Por isso certifique-se de que seu quarto esteja escuro e evite usar seu celular, tablet ou ver TV na cama. Isso vai ajudar seu corpo a produzir o nível de melatonina necessário para sua saúde.

3) Mais equilíbrio hormonal

O sono de qualidade também é crítico para a produção, liberação e regulação de seus hormônios – que têm uma enorme influência sobre sua saúde e bem-estar.

Estudos mostraram uma forte ligação entre sono, a leptina reduzida e a grelina elevada, hormônios responsáveis pela saciedade e pela fome, respectivamente.

Essa relação impacta os riscos de obesidade e outras condições de saúde associadas a um peso corporal maior.

Outro ponto importante é a liberação dos hormônios de crescimento durante as fases do sono profundo. Eles são essenciais para o desenvolvimento de crianças e adolescentes, além de contribuir para o crescimento muscular.

4) Riscos menores de desenvolver estresse e depressão

Quando o organismo está sob os efeitos de uma noite mal dormida, entra em um estado de estresse. As funções do corpo são colocadas em alerta máximo, o que causa pressão alta e estimula a produção de hormônios do estresse.

Por isso aposte em técnicas de relaxamento para neutralizar seus efeitos e ter um sono de qualidade. Isso vai contribuir positivamente para seu bem-estar durante o dia, melhorando suas relações sociais e aumentando a imunidade.

5) Risco menor de doenças cardíacas

A doença cardíaca é a que mais mata no Brasil há quatro décadas. Embora existam muitos fatores responsáveis ​​por essas estatísticas, a privação do sono pode ser um elemento-chave nestas estatísticas.

Pesquisadores apontam que pessoas que normalmente dormem menos de seis horas por noite têm uma chance 48% maior de desenvolver ou morrer de doença coronariana ao longo da vida.

Problemas que influenciam o sono de qualidade

Diversos fatores podem afetar a qualidade de seu sono todas as noites. Insônia, sedentarismo, preocupações ou a luminosidade excessiva no quarto podem interromper uma noite de sono e causar sérios problemas de saúde – como você pode ver nos itens acima.

A apneia obstrutiva do sono pode ser um deles: um distúrbio do sono comum e grave, que faz com que a pessoa pare de respirar durante o sono.

A via aérea fica repetidamente bloqueada, limitando a quantidade de ar que atinge seus pulmões. Quando isso acontece, a pessoa pode roncar alto ou fazer barulhos de asfixia ao tentar respirar.

Isso pode acontecer algumas vezes por noite, ou em casos mais graves, várias centenas de vezes por noite. A falta de oxigênio pode ter consequências negativas a longo prazo para a saúde. Isso inclui:

  • Pressão alta;
  • Doença cardíaca;
  • Acidente vascular cerebral (AVC);
  • Pré-diabetes e diabetes;
  • Depressão.

Um estudo do sono pode diagnosticar a apneia obstrutiva e garantir um sono de qualidade. O Vita Chek-up possui um exclusivo sensor sem fios, que pode fazer o monitoramento do sono na própria residência do paciente com muito mais conforto e praticidade que os aparelhos convencionais.

Clique para saber mais sobre o exclusivo Estudo de Sono Vita Check-up – e garanta mais saúde e um sono de qualidade.


15437638515357265.jpg

Você pertence àquele grupo de profissionais que precisa ser intimado pelo RH para marcar as férias e mesmo assim não consegue desligar-se completamente da rotina no escritório?

Mais do que um direito de qualquer trabalhador, tirar férias é  fundamental para garantir seu bem-estar físico e mental e melhorar sua qualidade de vida no trabalho.

Passar um período longe do escritório é tão benéfico que pode até mesmo ajudá-lo a alcançar aquela promoção tão desejada. Duvida? Então descubra o que alguns estudos científicos conduzidos por instituições de prestígio no exterior dizem sobre essas temporadas de descanso.

4 motivos para tirar férias e aumentar sua qualidade de vida no trabalho

1. Ajuda a reduzir o estresse

Anda estressado, se irritando facilmente com os colegas e cometendo erros em atividades que sempre lhe pareceram simples com cada vez mais frequência?

A falta de descanso pode ser a raiz do problema. Segundo uma pesquisa realizada na Holanda com mais de 1.500 pessoas, tirar férias ajuda a reduzir o estresse e garantir um retorno ao trabalho mais tranquilo e produtivo.

De acordo com o estudo, aqueles que tiraram férias aumentaram o seu índice de felicidade, melhoraram a produtividade em até 25%, diminuíram a quantidade de equívocos nas atividades rotineiras e o número de desentendimentos com colegas de trabalho.

2. Previne doenças cardiovasculares

Segundo um estudo realizado ao longo de 40 anos na Finlândia e apresentado em um congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia, tirar férias longas também ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares e, consequentemente, aumenta a longevidade.

Para a realização do estudo, os pesquisadores dividiram mais de 1.200 executivos de meia idade com ao menos um fator de risco para doenças cardiovasculares em dois grupos.

Os membros do segundo grupo eram aconselhados de tempos em tempos a seguirem uma dieta saudável, praticar atividades físicas, perder peso e parar de fumar. Se estes conselhos não faziam efeito, o grupo recebia a recomendação de usar medicamentos para diminuir a pressão e o colesterol.

Após diversos anos de análise, os pesquisadores concluíram que os participantes desse grupo que tiraram menos de 3 semanas de descanso anuais tinham 37% a mais de chances de morrer do que aqueles que tiraram períodos de férias de mais de 3 semanas.

Em outras palavras, ainda que você adote hábitos saudáveis, com cardápio equilibrado e prática de exercícios constantes, é essencial abrir espaço na sua agenda para um período de lazer e descanso se a ideia é manter-se saudável e viver por mais tempo.

3. Aumenta a produtividade

Você fica hesitante na hora de marcar as férias porque acredita que estar sempre ativo é o caminho mais curto para aquela tão sonhada promoção?

Acredite, é hora de rever esses conceitos e buscar mais qualidade de vida no trabalho. De acordo com um estudo realizado pela iniciativa norte-americana Project: Day Off, 27% dos entrevistados que aproveitaram as fé rias integralmente foram promovidos, uma vez que o período de descanso ajudou a garantir mais saúde física e mental e aumentou sua produtividade.

Na verdade, considerar-se uma espécie de “mártir do trabalho”, que jamais tira férias e está sempre disponível, pode acabar prejudicando seu progresso profissional.

A mesma pesquisa relata que 79% dos entrevistados que desejam ser vistos pelo seu superior como um profissional incansável, que não necessita tirar férias ou cuidar da saúde, receberam aumentos salariais, contra 84% daqueles que não tem esse perfil, mas foram promovidos da mesma maneira.

Logo, se a ideia é ter mais chances de alcançar uma promoção, não abra mão desses períodos de pausa na rotina. Além de aumentar sua produtividade, a medida evita desgastes físicos e emocionais que podem acabar dificultando o seu desenvolvimento profissional.

4. Melhora a qualidade do sono

Além de todos esses benefícios, tirar férias ajuda você a se manter bem longe das noites mal dormidas, que diminuem sua qualidade de vida no trabalho e afetam sua capacidade de realização.

De acordo com o estudo Holiday Health Experiment, conduzido por um dos maiores institutos de saúde do Reino Unido, o Nuffield Health, desligar-se totalmente das atividades rotineiras por alguns dias e fazer uma viagem é o suficiente para melhorar expressivamente a sua qualidade de sono.

O bem-estar físico e mental provocado por esses dias de descanso tende a se prolongar por alguns meses, melhorando a produtividade e a qualidade de vida no trabalho. Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores dividiram voluntários em dois grupos: o primeiro utilizou o período de férias para viajar, enquanto o segundo permaneceu trabalhando na sua cidade de origem.

Segundo a pesquisa, o grupo que se desligou da rotina apresentou uma melhora na qualidade do sono de 17%, enquanto os que ficaram na cidade pioraram no mesmo quesito em 14%. Em outras palavras, se  você quer manter o foco e a concentração no trabalho por muito mais tempo, comece a planejar sua próxima viagem!

Como você pode ver, tirar férias é fundamental para quem busca mais qualidade de vida no trabalho. Além disso, visitar uma clínica de check-up anualmente também é essencial para garantir seu bem-estar e deixá-lo pronto para enfrentar com saúde e disposição a volta ao trabalho!

Gostou de saber mais sobre a importância das férias na qualidade de vida no trabalho? Se você quer manter a saúde em dia e evitar afastamentos provocados por enfermidades que poderiam ser evitadas ou diagnosticadas precocemente, conheça os check-ups corporativos da Vita Check-Up e descubra o que eles podem fazer pelo seu bem-estar!


1541707948704485.jpg

Você tem investido em benefícios que visam oferecer mais saúde e bem-estar aos seus colaboradores, como check-up médico e estímulo à prática de atividades físicas? Se a resposta for não, é importante rever alguns conceitos.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo site norte-americano Office Vibe, 84% dos funcionários com um bom pacote de benefícios afirmam ter satisfação plena no trabalho, enquanto 80% preferem benefícios novos ou adicionais a um aumento no salário.

Para além do aumento da motivação e da produtividade, há também a questão econômica. Anualmente, cerca de 100 mil funcionários são afastados de suas atividades diárias por questões de saúde, e a principal causa desses afastamentos é a dor nas costas, especialmente em colaboradores que realizam funções repetitivas ou passam muito tempo sentados.

Em grande parte dos casos, o problema poderia ter sido evitado com um programa de prevenção e diagnóstico precoce, o que garantiria mais saúde para o profissional e menos gastos para o empregador.

Diante desse panorama, diversas empresas têm apostado em ações voltadas à saúde dos seus funcionários que oferecem excelente relação custo x benefício. Conheça algumas delas:

1. Programa de combate ao tabagismo

Além do check-up médico, algumas empresas investem também na realização de programas de combate ao tabagismo para que seus colaboradores abandonem de vez o hábito de fumar.

Em geral, esse tipo de programa é composto por reuniões semanais ou quinzenais nas quais os interessados recebem orientações de profissionais de saúde sobre os benefícios de manter-se longe do cigarro, além de acompanhamento psicológico para que os colaboradores consigam manter-se firmes no propósito.

Além de melhor o estado geral de saúde, estratégias desse tipo influem positivamente na qualidade de vida e disposição física dos trabalhadores, aumentando a motivação e a produtividade, já que reduzem drasticamente as pausas provocadas pelo vício no fluxo diário de trabalho.

2. Ginástica laboral

A prática de exercícios de curta duração no ambiente de trabalho possibilita que os colaboradores tenham melhores condições físicas e psicológicas para realizar suas atividades diárias, favorece a integração e o trabalho em equipe e ajuda a reduzir os níveis de estresse e ansiedade.

Em geral, a ginástica laboral é baseada em técnicas de alongamento que envolvem o tronco, mãos e pescoço, e deve ser realizada sempre por profissionais especializados, como educadores físicos ou fisioterapeutas.

A prática constante também auxilia na prevenção de casos de lesão por esforço repetitivo (LER) e na correção de problemas posturais, diminuindo assim o percentual de afastamentos por doenças e proporcionando um aumento da produtividade.

3. Estímulo à prática de atividades físicas

Além da ginástica laboral, é comum que empresas preocupadas com o bem-estar e a saúde dos seus funcionários criem programas que estimulem a adesão a uma rotina de atividades físicas.

Como formatos variados, que vão desde a criação de grupos de corrida e campeonatos de futebol internos até o subsídio para funcionários que apresentem recibos da prática esportiva que mais se adapta às suas necessidades, esse tipo de programa contribui para a melhora da qualidade de vida dos colaboradores, aumentando sua disposição e produtividade.

Adicionalmente, a empresa pode oferecer pacotes que combinam o subsídio à prática de atividades físicas com check-ups médicos específicos para quem vai começar a se exercitar, que incluem avaliação cardiológica e postural e orientação nutricional, minimizando os riscos de lesões e aumentando as chances de sucesso no combate ao sobrepeso e obesidade.

4. Check-up médico

Um dos benefícios mais atrativos que as empresas podem oferecer aos seus colaboradores, especialmente executivos e profissionais em cargo de liderança, é o check-up médico anual completo, que tem como objetivo não só detectar precocemente eventuais enfermidades, como também identificar fatores de risco para o desenvolvimentos de algumas doenças e modificá-los antes mesmo do seu surgimento.

As instituições podem optar ainda por programas personalizados, que focam nas necessidades de públicos específicos, como um check-up voltado para a prevenção de doenças que afetam as mulheres ou pacotes que incluam perfil de imunização e aplicação de vacinas.

Esse tipo de benefício, estimula a adoção de hábitos mais saudáveis e ajuda a reduzir a taxa de faltas e afastamentos de funcionários-chaves para o sucesso do seu negócio provocados por enfermidades que poderiam ser diagnosticadas precocemente ou questões ligadas ao estresse profissional.

A inclusão do check-up médico no pacote de benefícios oferecidos aos executivos também influi positivamente nos níveis de motivação e satisfação desses profissionais e na visão que esses possuem da empresa, podendo ser fator importante na atração e retenção de talentos.

Como você pode ver, oferecer benefícios que visem promover mais saúde e bem-estar para seus executivos é um excelente investimento, na medida em que ajuda a diminuir a taxa de afastamentos por doença, aumenta a motivação e produtividade e auxilia na atração e retenção de talentos estratégicos para a performance do seu negócio.

Se você quer oferecer check-ups médicos premium para profissionais em cargos de liderança, conheça os programas oferecidos pelo Vita Check-Up! Contamos com diferenciais inovadores, como a avaliação de estresse emocional e status de imunização, e uma infraestrutura completa!


15378094838365288.jpeg

Com certeza você já ouviu falar em qualidade de vida. Geralmente, a expressão surge em um contexto de busca por mais tranquilidade e tempo para cuidar de si e daqueles de que você mais gosta. Mas afinal, você sabe dizer exatamente o que ela significa?

Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), qualidade de vida é “a percepção do indivíduo de sua posição na vida no contexto da cultura e sistema de valores nos quais ele vive e em relação aos seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações”.

Ainda de acordo com a OMS, o conceito varia bastante de acordo com a cultura em que a pessoa está inserida — em palavras simples, o que é qualidade de vida para um executivo do Rio de Janeiro provavelmente não faz nenhum sentido para um pescador nas Filipinas ou para um monge no Nepal.

A despeito de toda essa diversidade, alguns aspectos são comuns a todos os indivíduos, como o bem-estar físico e psicológico, a capacidade de agir de maneira autônoma e de participar de atividades de recreação e lazer.

E o que é possível fazer, de maneira prática, para alcançar mais qualidade de vida? Algumas medidas simples podem ajudar você a alcançar esse estado de bem-estar. Acompanhe nossas dicas!

3 maneiras de melhorar sua qualidade de vida

1. Invista na criação de um bom ambiente profissional

Embora seja um ambiente influenciado pelo comportamento de pessoas de várias origens, estilos e personalidades, sua atitude individual no trabalho pode exercer um forte impacto na qualidade de vida de todo o grupo.

Muitas vezes, uma pequena mudança de postura mantém você longe do estresse e garante uma melhora na produtividade e no relacionamento com os colegas. Veja o que pode ser feito para garantir mais qualidade de vida no trabalho:

  • Mantenha-se longe das fofocas. Não se envolva e nem divulgue rumores sobre a vida profissional ou pessoal de colegas ou subordinados e, quando eles surgirem, busque outro tema de conversação. Lembre-se sempre de que o próximo alvo pode ser você;

  • Procure focar no seu trabalho e evite comparar sua trajetória na empresa com a de outros colegas;

  • Saber trabalhar em equipe é uma habilidade valorizada em qualquer empresa. Se puder auxiliar um colega, não hesite em fazê-lo e busque aprender com eles sempre que possível;

  • Organize suas tarefas e estabeleça prioridades. Assim, se algo não puder ser entregue a tempo, você poderá avaliar com antecedência e pedir ajuda. Isso evita estresse desnecessário com o acúmulo de tarefas e prazos não cumpridos.

  • Mantenha um bom relacionamento interpessoal com colegas, subordinados e superiores. Cordialidade e a simpatia tornam o ambiente mais leve e produtivo e passam a mensagem de que você é um profissional equilibrado e pronto para assumir novos desafios.

2. Cuide da sua saúde mental

Gozar de boa saúde não se limita a estar bem fisicamente. Tão importante quanto estar atento aos sinais do nosso organismo sobre algo não ir bem é cuidar de nossa saúde mental.

Reservar tempo para estar com a família e os amigos, dedicar-se às atividades de lazer, ter uma vida amorosa satisfatória e não ser excessivamente exigente consigo mesmo são medidas que ajudam a tornar o dia a dia mais leve.

De acordo com a OMS, o Brasil é o país da América Latina com maior prevalência de quadros de depressão e o segundo das Américas, ficando atrás somente dos Estados Unidos.

O problema compromete as relações pessoais e afeta significativamente o desempenho profissional. Além da depressão, doenças como o estresse crônico, a ansiedade e a síndrome de Burnout também podem causar danos graves ao seu bem-estar e diminuir sua qualidade de vida.

Por isso, caso perceba alterações de comportamento importantes, como sono persistente ou insônia, tristeza incessante, desânimo ou irritabilidade excessivos ou apetite alterado, por exemplo, não hesite em buscar ajuda profissional para evitar que o problema se agrave.

3. Faça exames preventivos regularmente

Qualidade de vida e saúde são conceitos indissociáveis. Não há como pensar em uma vida mais prazerosa se a sua saúde não está em perfeito estado, não é mesmo? Para garantir que isso aconteça, a prevenção é sempre o melhor caminho.

Por mais atribulado que seja o seu dia a dia, é importante abrir espaço para a realização de exames preventivos, que diagnosticam eventuais doenças precocemente e ampliam as chances de sucesso do tratamento.

Além disso, um check-up bem feito é capaz de identificar fatores de risco para o desenvolvimento de doenças e modificá-los, evitando problemas de saúde antes mesmo do seu surgimento.

Opte sempre por empresas especializadas em check-ups, que tenham foco na promoção da saúde e realizam diversos exames e avaliações no mesmo lugar. Assim, você cuida do seu bem-estar e otimiza seu tempo!

Como você pode ver, embora o conceito seja bastante amplo, melhorar a qualidade de vida está ao alcance de todos! Aliar os cuidados com o corpo e mente a um ambiente profissional mais saudável são algumas das medidas que você pode tomar para garantir mais bem-estar e uma rotina menos estressante!

Se você deseja fazer um check-up completo, com comodidade e conveniência, entre em contato com o Vita Check-Up Center! Será um prazer ajudar você a cuidar da sua saúde!

 


Copyright 2018 VitaCheckup Center. Todos os Direitos Reservados.